terça-feira, 22 de julho de 2014

Ofensiva israelense sobre Gaza

Israel mais uma vez mostrando que é um estado militarista, expansionista e criminoso.
Esse tipo de massacre que comete - que por sinal com alto nível de crianças mortas -,só alimenta mais o ódio que uma pessoa palestina que recebe misseis em sua cabeça, pode ter sobre cidadãos israelenses, sejam eles a favor ou não da ofensiva.
Esse tipo de paz que buscam com misseis e tanques é surreal. Esse discurso pífio de Hamas não cola mais -  aqueles foguetinhos sem vergonha - não demora haver uma anexação de Gaza acontecer, simples, já que Israel faz o que quer. É a mesma coisa que matar uma mosca com um canhão.




Ficam essas imagens para a e reflexão. O ser humano não presta, seja ele qual religião, povo e cultura. No final é tudo a mesma coisa, um sempre quer mais que o outro.


5 comentários:

  1. Seu post so mostra o lado dos palestinos sofrendo e nao mostra os dos israelenses que sofreram tambem muitos ataques. Ja da pra ver de que lado tu torces. Eu entendo a situacao dos dois lados, mas veja que Israel ocupava a faixa de Gaza e saiu e mesmo assim os terroristas do Hamas continuam provovando Israel jogando foguetes. Eu torco para a paz, mas com terroristas eh impossivel conversar.

    ResponderExcluir
  2. Eu entendo a situacao dos dois lados, mas veja que Israel ocupava a faixa de Gaza e saiu...

    A faixa de Gaza é palestina, você está totalmente errado tratando como se essa ocupação fosse algo certo!!Israel tomou territórios. A ocupação já é algo que não poderia ocorrer, entende? A faixa de Gaza é um jaula. O que me faz fazer uma analogia ao assunto do meu próprio blog, que é aquele murro da vergonha, que infelizmente me lembra o que os nazistas fizeram com os próprios judeus em Varsóvia? É certo? Nem a ONU aceita as coisas que Israel faz, que deprimente.

    Amigo, em primeiro lugar, quando você fala em "lados", você separa tudo, judeus/muçulmanos, israelenses/árabes, bom/mal...é ridículo esse tipo de pensamento, já começou mal.

    O engraçado é você tentar comparar qualquer coisa que o Hamas fez/faz com o que o Exercito israelense fez/faz.

    Essa analogia de terrorismo as vezes é insuportável, chega a ser sínica.O terrorismo mata meia dúzia enquanto um exercito que é politicamente correto mata centenas com o aval do governo e da mídia...isso que é o correto? O que é a palavra terrorismo comparada ao numero de mortos? A forma de matar ou a nacionalidade de quem puxa o gatilho? Deveria temer um foguete Qassam? Fajr-5,Khaibar-1, Grad? Ou então deveria temer os Sa'ar 5, Apaches Ah-64, Merkava, M270, os autopropulsados M109 ou os precisos mísseis Arrow?

    É a mesma coisa que matar uma mosca com canhão, simples. Qualquer pessoa com o mínimo de conhecimento técnico sabe disso.

    O problema de Israel é tratar seu próprio povo como algo soberano aos olhos de Deus. Essa mistura de religião e política sempre causa sofrimento aos mais fracos. Tratar os palestinos como números, não como seres humanos.Logo após a primeira guerra árabe-israelense quando aquela centena de refugiados foram expulsos de suas próprias áreas já deveria ter sido o freio nesse sistema expansionista israelita, começar um país dessa forma já é algo ruim, pois já deveriam lembrar do martírio causado ao seu próprio povo nos anos antecedentes a guerra, no Holocausto. Mais aí se segue o martírio do povo palestino, que sofreu a ocupação de seu território dia após dias, com construções de assentamentos em território ocupado, o que é ilegal.

    Um povo que é oprimido por um exercito fantástico igual ao de Israel, com toda tecnologia de ponta possível disponível, privado dos bens mais comuns, pelo bloqueio em Gaza, você deseja que responda como? Ver dia após dia um pais falando de paz, mas massacrando um povo, como um discurso que mais parece uma sandice sobre "paz".

    O engraçado é chamar o Hamas de terrorista,com aqueles "foguetinhos" Qassam, de fabricação caseira, que se você for ver, matou um numero insignificante de pessoas, comparados ao verdadeiro derramamento de sangue que Israel fez só essa semana. Só porque foi um judeu que morreu que a vida de centenas de palestinos tem de ser ceifadas? Isso só alimenta ainda mais o ódio.

    A retórica do terrorismo deveria ser aplicada então aos judeus que vivem falando que os outros povos deveriam destruídos.

    É um cinismo absurdo, dois grupos idiotas, judaico extremistas e os jihadista muçulmanos.

    O povo precisa de amor, independente de fronteiras determinadas por políticos, independente da religião, da cultura, da cor de pele. Esse é o mal do ser humano, com essa divisão, essa segregação detestável. Enquanto houver isso, vai haver guerras, mortes e sofrimentos, e nunca a paz.

    Para ser cínico, espero que os índios brasileiros imitem Israel daqui a alguns anos,se armem até os dentes, encham os seus de armas, tanques, aviões, helicópteros, arma químicas, comecem a meter bomba pra todos lado, matando e expulsando os atuais brasileiros das suas terras, inclusive os que hoje fazem criticas pesadas a Palestina e seu povo, e façam a sua reintegração de posse, independentes do numero de mortos de brasileiros, sempre com um discurso de "paz" e "terrorismo".

    ResponderExcluir
  3. Em toda guerra existem dois lados, ninguém é santo e quem acaba sofrendo são os civis, por isso que não tomo partido de lado nenhum!

    ResponderExcluir
  4. E antes que comecem a falar (já que nesse meio o pessoal adora falar pelos cotovelos), eu não sou a favor da ideologia do Hamas também.
    Att;

    ResponderExcluir
  5. Bem.....ate aceito que Israel exagera! Mas seca ocupação terminar Israel sofrera as consequências, já que o Hamas independente do Estado palestino ser formado quer destruir Israel!

    ResponderExcluir

Favor, sem ofensas, comentários ideológicos, racistas, antissemitas e semelhantes.

Se não concordar, discordar ou mesmo ter a acrescentar com o escrito no post, o dialogo é a melhor opção.

OBS: Não tenho muito tempo para responder todos comentários, então se seu comentário demorar a ser moderado, não venha reclamar comigo, pois tenho outras atividades alem desse blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...