segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Massacre em Palikrowy

Monumento no cemitério aos
 polonês vítimas em Palikrowy.
Massacre em Palikrowy foi um crime de guerra cometidos pelo 4º Regimento de Polícia SS formado por soldados ucranianos que foram retirados da 14º Divisão SS de granadeiros Galizien na época do massacre, do SVW Ucraniano("Auto-defesa da ucraniano": Samoobronni Kuszczowi Widdiły) e das forças do Exército Insurgente Ucraniano (Ukrayins'ka Povstans'ka Armiya ou UPA) aos poloneses no povoado de Palikrowy Palykorovy na Ucrania, que foi em 12 de março de 1944.

385 poloneses foram executados. Palikrowy era uma aldeia etnicamente mista, com 70% da população polaca, e na aldeia havia várias famílias de refugiados dos massacres Volhynia. Em 1944, a população foi de cerca de 1884, com cerca de 360 casas. Ação foi coordenada com o ataque nas proximidades de Pidkamin, incluindo o monastério em Pidkamin, onde alguns habitantes de Palikrowy estavam escondidos durante as ações de limpeza étnica no oeste da Ucrânia . 


Todos os habitantes de Palikrowy foram reunidos em um campo perto da vila. Os habitantes ucranianos da aldeia foram liberados. Em seguida, os poloneses foram executados por duas metralhadoras pesadas. Apenas poucas pessoas feridas sobreviveram. Casas polacas foram queimadas e civis poloneses escondidos  foram assassinados, e seus bens roubados. Verificou-se os nomes de 265 vítimas de um total de 365 mortes.
No local da vala comum há um memorial para as vítimas.

Tradução: avidanofront.blogspot.com

2 comentários:

  1. Daniel, eu tinha vistos os posts(li todos), mas não deu pra comentar em nenhum, fazendo isso agora. Maravilha a tradução. Eu achei um ebook em PDF em cirílico(mas com os caracteres dele mesmo, eu fui olhar o link desse texto e ele tá com os caracteres no alfabeto latino), rapaz... eu ia passar o arquivo pro Romanov do Hol. Contr. porque ele entende, mas cadê eu achar o link do livro? Se bem que eu marquei no rascunho na parte do holocausto na Letônia, depois vou dar uma vasculhada pra ver se acho. O livro foi lançado só na Alemanha traduzido, nem em inglês saiu. Imagina a quantidade de livros sobre o tema que nem chega ao Brasil. Se mal lançam os títulos consagrados, imagina lançar esse tipo de livro com estudos mais recentes sobre o tema.

    Parabéns pelo post. Se quiser pode postar lá na H x "R". Eu dei uma pausa nas postagens por lá por conta da promoção, mas espero que agora já dê pra voltar ao normal, até porque quero postar lá algo sobre o caso G. Wagner e as conclusões do post lá do blog HC. Os "revis" simplesmente ignoraram várias matérias que saíram sobre o Wagner nos anos 70 e 80 comentando as tentativas de suicídio dele e as contradições dos depoimentos.

    Método "revi" de "pesquisa", rs.

    ResponderExcluir
  2. Esse tipo de livro não iria nem dar sucesso por aqui se fosse lançado. A pequena quantidade de livros disponíveis, em comparação com outros países é gigantesca.

    Eu vou postar lá depois sim, pode deixar. Esses dias o pessoal do HC postaram umas materias bens longas. Revi ignorar certas coisas é até normal já.

    ResponderExcluir

Favor, sem ofensas, comentários ideológicos, racistas, antissemitas e semelhantes.

Se não concordar, discordar ou mesmo ter a acrescentar com o escrito no post, o dialogo é a melhor opção.

OBS: Não tenho muito tempo para responder todos comentários, então se seu comentário demorar a ser moderado, não venha reclamar comigo, pois tenho outras atividades alem desse blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...