domingo, 9 de maio de 2010

Panzerfaust


Soldados Alemães com Panzerfausts e um carro de combate T-34Sovietico destruído na Batalha de Tali-Ihantala.


O Panzerfaust (punho blindado) foi desenvolvido a partir do Faustpatrone, como uma forma de prover o infante com um equipamento antitanque barato e de fácil uso – era só uma granada de carga oca, disparada de um tubo simples. Os primeiros modelos (Panzerfaust 30, 60 e 100, o número se referindo ao alcance em metros da arma) eram descartáveis, o último a ser adotado o 150, era reutilizável. Todos eles tinham capacidade mais do que suficiente para destruir o mais pesado tanque em serviço na Guerra.
Tambem chamado de arma suicida, pois as primeiras versões eram descartaveis, fazendo que o atirador estivesse muito perto do alvo e apenas um unico tiro para fazer o serviço, sendo que quase nenhum dos panzerfaust 150(os reutilizaveis) foram usados com frequencia na guerra, pois foram desenvolvido no final da guerra.

6.700.000 deles foram feitos durante a guerra, assim como 1.500.00 faustpatrones.


Dados tecnicos:

Modelo: Panzerfaust 60
Comprimento: 104,5 cm
Peso: 6,1 kg
Calibre: 50 mm (tubo lançador), 140 mm (granada)
Carga explosiva: carga oca, 800 grs.
Propelente: 145 grs
Alça de mira: fixas, reguladas para 30, 60 e 80 metros
Velocidade inicial: 45 m/s
Penetração: 200 mm





Panzergrenadiers da Divisão "Großdeutschland"


100m . No final do Panzerfaust tem instruções claras para o funcionamento e uso da arma.  As instruções incluem um aviso ou precaução (Vorsicht!)




Quatro Panzerfausts em uma embalagem original.












BU-181 usado com anti-tanque


Os diferentes modelos foram:
Panzerfaust 30: introduzido em outubro de 1943.

Panzerfaust 60 introduzido em setembro de 1944. Esta foi a versão mais amplamente utilizada.
Panzerfaust 100 introduzido em novembro de 1944.
Panzerfaust 150, introduzido em pequenas quantidades, em março de 1945. É apresentado um cabo de pistola e tubo do cartucho reutilizáveis.
Panzerfaust 250 foi uma versão recarregável que estava em desenvolvimento quando a guerra terminou.
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Panzerfaust

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Favor, sem ofensas, comentários ideológicos, racistas, antissemitas e semelhantes.

Se não concordar, discordar ou mesmo ter a acrescentar com o escrito no post, o dialogo é a melhor opção.

OBS: Não tenho muito tempo para responder todos comentários, então se seu comentário demorar a ser moderado, não venha reclamar comigo, pois tenho outras atividades alem desse blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...